quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Diretora do Ibope diz que Marina Silva perdeu votos para Dilma

Está fartamente divulgado na Internet depoimento da diretora do Ibope, Márcia Cavallari, que disse anteontem, que Dilma Rousseff aumentou a diferença para Marina Silva nas pesquisas de intenção de voto para o primeiro turno graças a uma fuga de eleitores da própria Marina. Na última pesquisa do instituto, Dilma ganhou a preferência de quem pensava em votar na Marina para presidente. “O que a gente vê é que houve uma oscilação positiva para os demais candidatos, Dilma e Aécio, e, também, houve uma permanência no índice de brancos e nulos. Então, essa mudança foram votos que saíram da Marina para a Dilma”, avaliou. Questionada sobre a quantidade de indecisos, Márcia explicou que houve uma pequena redução no número de pessoas que não se decidem por um candidato. Ela explicou ainda que já era esperada uma queda na “empolgação”. “Teve uma primeira empolgação, teve esse processo todo de reconstrução, isso tira um pouco essa empolgação. Aqueles eleitores que estavam ali votando num primeiro momento pela empolgação recuam e avaliam a situação”, analisou. Uma coisa que a diretora do Ibope não falou foi sobre as intenções de votos dos brasileiros que acham o governo de Dilma, regular. 38% dos brasileiros acham o governo ótimo e bom. Imagina-se que quem avalia o governo em tão alta conta, devem votar nela. Mas, outros 38% avaliam o governo como regular. Imagina-se que uma parte dos que acham um governo regular votam contra e outra parte votam a favor. Mas com Dilma fica entre 38% e 39% fica estranho que ninguém ou quase ninguém deste segmento vote na presidenta.

Ascenção econômica
Eis a fala de Aécio Neves durante a convenção estadual do PSDB em São Paulo, reproduzida na Folha de S.Paulo, do último domingo: “Infelizmente, a vitória para eles [PT] não significou apenas uma oportunidade de exercer um projeto de poder, mas a possibilidade de ascensão econômica”.

Ascenção econômica II
Petistas estão fazendo gozação com Aécio na internet. Dizem: “Mas gente, não é que é verdade? Para começo de conversa: o PT tem um projeto, ou seja, lista de propostas, planos, planejamentos e coisas do gênero. E esse projeto é de poder, pois ele necessita de alguém na Presidência da República para tocar esse projeto. E por favor, não se escandalizem, pois todo partido que se preza tem, ou deveria ter um projeto de poder para chamar de seu”.

Ascenção econômica III
Pois então. A oportunidade que o PT teve de exercer o projeto de poder do partido vem representando também a possibilidade de ascensão econômica – de mais de 30 milhões de brasileiros, que fique bem claro!  O projeto do PT garantiu poder a: Brasileiros que tiveram acesso à casa própria graças ao Minha Casa Minha Vida; Brasileiros beneficiários do Bolsa Família, com filhos que entraram na faculdade graças ao ProUni, e agora fazem mestrado e doutorado; Brasileiros que fizeram o Pronatec e subiram econômica e socialmente. Brasileiros que obtiveram aumento real de 70% do salário mínimo, e não sofrem com a inflação corroendo o salário, porque o índice está em queda.

Ascenção econômica IV
Brasileiros que trocaram as rodoviárias pelos aeroportos. Brasileiros que vão para o exterior estudar graças ao Ciência sem Fronteiras. Brasileiros que estão em sua grande maioria empregados, posto que o país está próximo ao do pleno emprego; Brasileiros que conseguem atendimento médico de qualidade com profissionais competentes, com tratamento humanizado e gentil, graças ao programa Mais Médicos. Pois é, Aécio! Você está coberto de razão. O PT no poder garante a ascensão econômica de toda uma população que por séculos foi tratada com descaso e desrespeito.

Saudações
Aos que fazem a FM Costa Branca, 104.3MHz, com especialidade os amigos Cleodon Bezerra e Antonio Cidenir. Esta coluna foi escrita ontem à noite na sede daquela emissora, durante rápida passagem nossa pela querida cidade de Areia Branca. Grato a todos.