quinta-feira, 11 de junho de 2015

Nelson Barbosa explica o óbvio: concessão não é privatização

Só quem tem muita má vontade ou uma sesquipedal incapacidade de raciocínio pode achar que concessão é a mesma coisa que privatização. Quem concede, como quem aluga, continua dono e recebe o bem de volta ao fim do contrato; quem privatiza, vende. Nunca mais terá o bem de volta. Um dia após o anúncio da nova etapa do PIL (Programa de Investimento em Logística do Governo Federal), o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, negou que concessão seja uma forma disfarçada de privatização. Conforme o ministro, os modelos adotados pelo governo atendem às necessidades concretas e não a “posições ideológicas”. O programa anunciado pelo governo terça-feira (9) prevê investimentos de R$ 198,4 bilhões nos próximos anos e concessão de rodovias, ferrovias e aeroportos. "Concessão é usar e depois devolver, privatizar é vender", disse o ministro. O ministro avaliou que a taxa de investimento no Brasil em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), hoje em 20%, está na média de outros países, mas ponderou que para crescer mais rápido o país precisa elevar o índice, aumentando a competitividade. O ministro destacou que a prioridade em ferrovias, com investimentos previstos da ordem de R$ 86,4 bilhões, visa a melhorar o escoamento da safra agrícola do Centro-Oeste, com ligações de saída pelo corredor norte. Questionado sobre a falta de recursos do governo, ele reconheceu que o desembolso para os investimentos previstos será grande, mas será escalonado ao longo do tempo. No caso das rodovias, as novas licitações terão os estudos concluídos até o início de 2016 e devem começar a sair do papel no segundo semestre do ano que vem.

Pergunta-se
Eis uma pergunta interessante que rola na Internet: Alguém pode me dizer por que o JN noticiou que o Instituto Lula recebeu 3 milhões da Camargo Correia, e nem uma palavra sobre os 7 milhões doados ao Instituto FHC?

Apartamento
FHC está valente com a denúncia de que tem um apartamento de 11 milhões de euros em Paris. Lançou dizendo que é invenção do Lulismo e que o apartamento tem uma dona. E cita o nome da mulher, que lamentavelmente está morta e não pode mais comprovar ou não, a versão do homem da boca godê.

Pelo avesso
O PT está em crise, é o que diz o PSDB. Mas o PT tem quase 1,8 milhão de filiados e 200 mil novos pedidos de filiação. Quanto ao PSDB, que diz que o PT está caindo aos pedações, não tem nenhum pedido de filiação e acaba de perde a senadora Lúcia Vânia. Os outros partidos que fazem coro com o PSDB contra o PT, DEM e PPS estão apodrecendo sem ter quem queira se fundir com eles.

FotoLegenda
 Uma pequena explicação aos que reclamam de Dilma Rousseff sobre a carga tributária, sem saberem nada sobre o que estão dizendo. E dos impostos federais ainda saem para os estados e municípios todas as verbas do SUS, do Fundeb, dos fundos de assistência social e de todos os convênios federais, escuto diariamente um bando de gente sem noção reclamando da presidência da República pela carga tributária.